Entre Margens: A arte faz-se na praça

Fotogaleria

Em Vila Real a arte deixou os museus e sente-se na rua. Pode-se tocar, fotografar, correr e gritar. Porque a terceira edição do Entre Margens aconteceu mesmo ali, no meio da Praça do Município. Com crianças a brincar entre as fotografias, sem descriminar se eram de fotógrafos promissores ou consagrados, enquanto os adultos espreitam curiosos. Em Vila Real a arte deixou os museus e democratizou-se. Não tem idade, nem raça, nem formação. Só vontade de celebrar o rio Douro, e colocar no mapa uma terra que o país parece ter esquecido. Com trabalhos de Chloe Dewe Matthews, Gil Sibin, Luís Montanha e Hermano Noronha, a exposição pode ser vista até 10 de Junho. 

Sugerir correcção