Divórcio

Brad Pitt não só tem pago pensão aos filhos mas também emprestou milhões a Angelina Jolie

Advogados do actor norte-americano acusam Jolie de querer manipular a imprensa.
Foto
Reuters/MARIO ANZUONI

Brad Pitt tem pago o que acordou com Angelina Jolie relativamente às despesas dos seis filhos que têm em comum e também emprestou dinheiro à mulher de quem está separado há dois anos. Na terça-feira, Jolie juntou mais documentos ao processo que decorre no tribunal de Los Angeles e uma das queixas foi a de que Pitt não pagava o acordado. Na quarta-feira, o actor refutou essas acusações. 

Atingiu o seu limite de artigos gratuitos

A actriz pretende estar divorciada até ao final do ano e acusa o actor de não pagar despesas com os filhos. Os advogados de Pitt declaram que foi pago mais de 1,3 milhões de dólares (1,1 milhões de euros) em despesas apresentadas por Jolie desde a separação em 2016 e lembram que o actor foi o primeiro a afirmar que pretendia que o processo estivesse terminado o quanto antes.

Nos mesmos documentos entregues no tribunal para refutar as acusações de Jolie estão também os que comprovam que Pitt emprestou oito milhões de dólares (6,9 milhões de euros) a Jolie para ajudá-la a comprar uma casa nova.

Entretanto, a advogada de Jolie respondeu que Pitt está a cobrar juros sobre esse empréstimo e que a actriz teve de arcar com a maior parte das despesas com as crianças. “O que foi apresentado pelo lado de Brad é uma tentativa gritante de ofuscar a verdade e desviar a atenção do facto de ele não ter cumprido integralmente as suas obrigações legais de apoio aos filhos", declarou a advogada Samantha Bley DeJean num comunicado.

Por seu lado, os advogados do actor consideram que as alegações de Jolie são “um esforço velado para manipular a cobertura dos media”. O pedido de divórcio, feito com base em “diferenças irreconciliáveis”, desencadeou uma disputa da custódia das crianças, durante a qual Pitt foi acusado, investigado e considerado inocente de abuso infantil

O ano passado, o actor disse numa entrevista que parou de beber, estava a fazer terapia e que o casal decidira trabalhar em conjunto para resolver os seus problemas. Nos últimos dois anos, Pitt tem mantido um perfil discreto, enquanto Jolie continuou a trabalhar e filmou uma sequela do drama de contos de fadas Malévola, assim como o ano passado realizou um filme sobre o regime dos Khmers Vermelhos no Camboja.