Giorgio Armani Estilista quebra tabu e abre duas lojas online

Giorgio Armani prepara-se para romper um dos grandes tabus da alta moda. Na próxima semana, o estilista italiano abrirá a sua primeira loja virtual para vender a colecção de Inverno da linha Emporio nos Estados Unidos e, a partir do próximo ano, será possível comprar peças Armani através da internet na Europa e na Ásia. A decisão de Armani vem contra os princípios de exclusividade defendidos pelas mais prestigiadas casas de moda a nível mundial: mesmo com a expansão das vendas, marcas como a Christian Dior ou a Bottega Veneta sempre se empenharam em manter o controlo total da distribuição dos seus produtos, para defender a sua imagem.
A venda pela Internet é tudo menos a estratégia habitual dos grandes criadores de moda. Praticamente, só a Gucci já se abriu a esta moderna forma de comercialização. Os restantes estilistas limitam-se a colocar na rede as fotografias das suas criações ou a vender peças de tamanho único, como faz a Louis Vuitton com as suas malas e acessórios. Mas Armani decidiu arriscar e contribuir para uma mudança de "mentalidade", diz o diário italiano Corriere della Sera. O estilista até já encarregou a Yoox Company, uma empresa que nasceu em Bolonha há 7 anos e gere as vendas online de marcas emergentes, da criação de uma "espécie de franchising virtual", revelou Frederico Marchetti, director da companhia.
Emídio Rangel, jornalista, 61; Leonard Cohen, músico, 73; Liam Gallagher, músico dos Oasis, 35; Flávia Sardinha, actriz, 35; Larry Hagman, actor, 76; Bill Murray, actor, 57; Ethan Cohen, argumentista e realizador de cinema, 50; Stephen
King, escritor, 59.
George Michael pediu para que fosse retirada de um documentário da BBC uma parte de uma entrevista em que fala do medo de estar infectado com o vírus da sida. A estação de televisão inglesa já confirmou que as declarações do cantor de 44 anos não serão incluídas em Stephen Fry: HIV and Me, o documentário em que Fry, comediante inglês, avalia a expansão do vírus e chega a fazer uma análise ao sangue para saber se está infectado. Um porta-voz de George Michael, a quem já morreu um companheiro com sida, fez saber que o cantor recuou porque o assunto é "demasiado pessoal".
O actor Kevin Kline foi à sede das Nações Unidas apresentar o seu último filme, Trade, que aborda o negócio obscuro e lucrativo do tráfico de seres humanos. O filme, que conta o caso real descoberto nos Estados Unidos de duas escravas sexuais mexicanas, é realizado por Marco Kreuzpaintner, considerado um dos mais promissores jovens cineastas alemães. Kline disse à Reuters que Trade pretende dar "rosto" a um fenómeno que, segundo a ONU, afecta quase um milhão de pessoas por ano e gera 32 mil milhões de dólares.
A princesa Letizia de Espanha entregou na quarta-feira, numa cerimónia em Madrid, os prémios da Save The Children, uma organização não governamental que se dedica a ajudar crianças em risco. Segundo o diário espanhol El Mundo, a actriz Jane Fonda, Graça Machel, mulher de Nelson Mandela, a violinista Anne-Sophie Mutter e o escritor português José Saramago foram os escolhidos para receber o prémio Amigos das crianças, um galardão que reconhece o trabalho dos distinguidos em chamar a atenção da sociedade para as más condições de vida de muitas crianças no mundo.
Jennifer Lopez está à espera do seu primeiro filho, fruto do casamento com o cantor Marc Anthony. Segundo a edição digital da revista americana In Touch, a cantora e actriz está grávida de 12 semanas e deve dar à luz na próxima Primavera. A revista adianta ainda que o casal recebeu a notícia da gravidez na sua última visita ao ginecologista e especialista em fertilidade, em Beverly Hills. Fontes próximas de Jennifer
e Marc Anthony acrescentaram ainda que a cantora pode estar
à espera de gémeos, pois tem vindo a submeter-se, desde há dois anos, a provas de fertilização in vitro. Este será o primeiro filho do casal, mas o quarto de Marc Anthony,
que já tem três de relações anteriores: uma menina, filha de Debbie Rosado,
e dois rapazes, que teve com
a ex-mulher Dayanara Torres.