Estudo

Deco elege Viseu pela segunda vez como a melhor cidade para se viver

Estudo da Deco revela que Viseu é a cidade do país com o melhor sistema viário e é a melhor servida com espaços verdes Foto: Paulo Ricca

Tem o melhor sistema viário, os passeios mais limpos e é a melhor servida de espaços verdes e ciclovias. Viseu é, segundo um estudo de opinião realizado pela Associação de Defesa do Consumidor (Deco), a melhor cidade do país para viver. Setúbal é a pior.

Já em 2007, a cidade de Viriato tinha ficado no topo da tabela das melhores cidades para viver num estudo semelhante da Deco. Agora, a proeza repete-se.

Entre Setembro e Novembro de 2011, a associação inquiriu uma “amostra representativa” da população de cada capital de distrito do continente e das ilhas, e concluiu que Viseu é, com base na percepção dos inquiridos, a que tem melhor qualidade de vida.

A mesma investigação foi feita pelas associações de consumidores de Espanha, Itália, Bélgica e Brasil. Entre as 124 cidades analisadas no total, Bruges (Bélgica) é onde se vive melhor. Salvador (Brasil) é a pior classificada na tabela.

Em Portugal, Setúbal recebeu a pior nota no teste. Nos sectores da educação, segurança e criminalidade, cultura, lazer e desporto, a cidade é mesmo a pior a nível nacional.

Lisboa é a segunda cidade do país com a pior qualidade de vida e está na 82.ª posição na lista internacional. A capital tem as piores notas nos capítulos do ambiente – nomeadamente na recolha do lixo e na qualidade do ar –, da mobilidade e do planeamento e gestão municipal. Apesar de estar quase no fim da tabela, em 17.º lugar, o Porto aparece à frente da capital.

Em Viseu, que está em décimo lugar na tabela internacional, a área com melhor avaliação é a do comércio e serviços – 80 pontos em 100. Segundo os inquiridos, a cidade está bem servida de restaurantes, supermercados e centros comerciais, e também não fica atrás nas lojas. É também a cidade com mais pontos na coordenação entre diferentes serviços municipais.

As condições oferecidas no domínio da saúde também agradam, com destaque para a disponibilidade de meios de diagnóstico e a facilidade em encontrar um dentista – se bem que em Coimbra é ainda mais fácil.

Mas nem tudo são rosas. Os inquiridos dão nota negativa a Viseu no que diz respeito ao mercado de trabalho, pela dificuldade em encontrar emprego.

O Funchal, na Madeira, surge em segundo lugar na lista das melhores cidades para viver, seguido de Angra do Heroísmo, na Ilha Terceira, Açores, segundo o estudo da Deco.

Comentários

Os comentários a este artigo estão fechados. Saiba porquê.