Artigos deste autor

  • Os mercados algarvios são espaços de encontro: entre produtores e fregueses, entre o mundo rural e o mundo urbano, entre um tempo que já passou e aquele que teima em esquecê-lo. Haverá poucos sítios onde a serra esteja mais próxima do mar.

  • Uma duna é como um ser vivo, que se movimenta e transforma. A da Cresmina, no Guincho, é atravessada por um passadiço, que às vezes se desvia para dar passagem.

  • O Spices acabou de abrir portas na Penha Longa Resort. Traz a Sintra comida de quatro países: China, Japão, Índia e Tailândia.

  • Abriu em Lisboa um restaurante que homenageia a mestiçagem. Há pratos de São Tomé, Angola, África do Sul, Cuba, Moçambique, México, feitos de "sabores fortes, cores e aromas".

  • Houve tempos em que os homens andavam com peixe seco no bolso para um petisco. Agora, já não é tão comum encontrá-lo, mas a prática ainda sobrevive.