Lula Ovada Cozida da Adega Vila Lisa

Viajámos até ao Algarve para conhecer melhor o mítico restaurante Vila Lisa, na Mexilhoeira Grande, e o seu fundador José Vila. Fomos recebidos como amigos e rapidamente nos sentimos em casa.

Na mesa corrida de madeira, provámos as famosas Lulas Ovadas e muitos outros pratos que nos arrebataram pela sua essência e simplicidade.

A conversa não poderia acontecer de outra maneira. Ali, sem segredos, Vila contou-nos a história do restaurante, falou-nos da sua paixão pela gastronomia, pela pintura e de como, para ele, a vida tem de ser vivida intensamente.

Esta Lula Ovada Cozida é um dos pratos mais conhecidos da adega. É uma receita simples que vive muito do sabor de cada ingrediente. Na sua preparação, a lula é cozida em pouca água e picada várias vezes para largar a tinta. José Vila, aconselha a não cozer muito para não se perder o sabor autêntico do ingrediente. Não leva sal, para valorizar a doçura natural da lula, e é temperada com azeite, vinagre, salsa e cebola picada. Uma delícia.

Direcção Artística:
Tiago Pereira
Consultoria:
André Magalhães
Esporão:
Filipe Caetano, Catarina Santos, Afonso Sousa e António Roquette

Sugira uma receita:

Comentários

Os comentários a este artigo estão fechados. Saiba porquê.