Jon Landau, produtor de Titanic e Avatar, morre aos 63 anos

Numa colaboração de décadas com o realizador James Cameron, Jon Landau produziu três dos filmes que mais dinheiro fizeram nas bilheteiras em todo o mundo.

Foto
O produtor norte-americano Jon Landau recebeu um Óscar por "Titanic" juntamente com James Cameron Olivia Wong/Getty Images
Ouça este artigo
00:00
02:14

O produtor norte-americano Jon Landau, vencedor de um Óscar e parceiro de produção do cineasta James Cameron, morreu aos 63 anos na sexta-feira, 5 de Julho, em Los Angeles. Landau foi produtor de alguns filmes de maior sucesso de sempre, como Titanic (1997) e Avatar (2009).

A causa de morte não foi anunciada, mas Landau lutava contra um cancro há mais de um ano.

"Jon Landau acreditava no sonho do cinema", disse James Cameron à The Hollywood Reporter. "Acreditava que o cinema é a derradeira forma de arte e que, para fazer filmes, é preciso primeiro ser-se humano. Será recordado tanto pela sua vasta generosidade de espírito como pelos seus filmes."

Filho de produtores, Ely e Edie Landau (o pai foi nomeado para um Óscar), Landau produziu filmes como Querida, Encolhi os Miúdos, (1989) e Dick Tracy (1990), antes de passar cerca de cinco anos na 20th Century Fox​ como vice-presidente, onde supervisionou a produção de Sozinho em Casa (1990), Die Hard 2 (1990), O Último dos Moicanos (1992), Papá para Sempre (1993) e Speed – Perigo a Alta Velocidade (1994).

Foi na Fox que conheceu Cameron, que estava a realizar True Lies/A Verdade da Mentira (1994), uma comédia de acção com Arnold Schwarzenegger no papel de agente secreto, lembra o New York Times. Quando Landau decidiu deixar a Fox, Cameron perguntou-lhe se queria ler o guião de um projecto com o nome de código Planet Ice. Foi a origem de Titanic e de uma parceria que durou décadas e “fez história nas bilheteiras”, escreveu o jornal norte-americano.

Ao lado de Cameron, ajudou a criar o êxito de Titanic, filme estreado em 1997 e o primeiro a ultrapassar a marca de mil milhões de dólares nas bilheteiras mundiais. Titanic foi nomeado para 14 Óscares e ganhou 11, incluindo o de melhor filme, um prémio partilhado por Cameron e Landau.

Mais tarde, o filme Avatar e a sua sequela Avatar: A Forma da Água, lançados em 2009 e 2022, respectivamente, bateram o recorde de Titanic nas bilheteiras em todo o mundo.

Sugerir correcção
Comentar