O amor pelo semelhante

A próxima vez que comer amêijoas, tente emparelhar duas conchas parecidas.

Conheci um pai de seis filhos, todos crescidos, que me disse que só um estava feliz, porque tinha casado com uma rapariga muito parecida com ele.

Os leitores são a força e a vida do jornal

O contributo do PÚBLICO para a vida democrática e cívica do país reside na força da relação que estabelece com os seus leitores.Para continuar a ler este artigo assine o PÚBLICO.Ligue - nos através do 808 200 095 ou envie-nos um email para assinaturas.online@publico.pt.
Sugerir correcção
Ler 14 comentários