Morreu o realizador espanhol Agustí Villaronga

O autor de Tras el Cristal ou de Pão Negro, cineasta de culto, não resistiu a um cancro. A morte chegou na madrugada deste domingo, aos 69 anos.

Foto
Agustí Villaronga DR

“Não havia escolas de cinema, portanto, tudo o que aprendi fi-lo vendo filmes, a trabalhar como figurinista, director de arte, aderecista. Trabalhei muito nessas funções com outros realizadores. Assim recordava os seus anos de formação o realizador Agustí Villaronga, no decorrer da homenagem que lhe dedicou em Novembro a Academia do Cinema espanhol, quando já avançava nele o cancro que o veio a vitimar. O realizador de Tras el Cristal (1987) e de Pão Negro (2010) morreu na madrugada deste domingo, aos 69 anos, anunciou a Academia do Cinema Catalão.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários