Colapso da FTX tira 160 mil milhões ao universo cripto

As principais criptomoedas desvalorizaram perto de 20% no último mês e há mais empresas a falirem ou a suspenderem pagamentos na sequência do colapso da FTX.

Foto
O colapso da FTX está a gerar danos colaterais no mercado dos criptoactivos Reuters/DADO RUVIC

Chegou ao fim um dos meses mais tumultuosos da história do universo de criptoactivos, mas os efeitos do colapso da FTX ainda estão para durar. Ao longo do último mês, o mercado desvalorizou quase 20% e perdeu perto de 170 mil milhões de dólares (ou cerca de 161 mil milhões de euros), viu mais plataformas falirem ou suspenderem os levantamentos de dinheiro e, agora, depara-se com uma crise de confiança por parte dos investidores, numa altura em que entidades como o Banco Central Europeu (BCE) já dizem que este tipo de activos está a dar os “últimos suspiros”.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários