Catorze narradores fixam a voz no papel

Desafiados a escrever o que habitualmente contam por palavras ditas, narradores de referência fixaram a sua voz num livro de contos. “Um conjunto de textos que são marcados pela tradição oral portuguesa”, refere Paulo Jorge Correia, especialista em conto tradicional. A obra deseja ser (mais) uma ponte entre Portugal e Brasil.

Foto
Rosana de Mont’Alverne: "É a palavra que marca a memória afectiva de todos nós, nos pega pela mão e nos leva por um mundo bom, um mundo confortável, um mundo macio" SOFIA PAULINO

Contadores de histórias portugueses escrevem a oralidade que os move e acompanha num livro organizado por Benita Prieto e editado em simultâneo no Brasil e em Portugal. Bendito e Louvado, Conto Contado — Contos Populares Portugueses surgiu da vontade de lançar na Bienal do Livro de São Paulo de 2022 um produto editorial inovador que ligasse os dois países, já que Portugal seria o convidado de honra.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários