Um Orçamento arriscado

Aos choques adversos que resultam do aumento das taxas de juro e que afetam as contas externas, o Governo acrescenta o choque adverso de um Orçamento restritivo, demasiado preocupado com o défice e com a redução da dívida pública.

A proposta de Orçamento do Estado de 2023 (OE 2023) foi entregue a tempo e horas e vários dos seus elementos já tinham sido divulgados no âmbito do Acordo de Médio Prazo para a Melhoria dos Rendimentos, Salários e Competitividade, assinado no domingo pelo Governo, patronato e UGT.

Os leitores são a força e a vida do jornal

O contributo do PÚBLICO para a vida democrática e cívica do país reside na força da relação que estabelece com os seus leitores.Para continuar a ler este artigo assine o PÚBLICO.Ligue - nos através do 808 200 095 ou envie-nos um email para assinaturas.online@publico.pt.