Câmara destina 44 milhões de euros aos cascalenses para combaterem a inflação

São 70 novas medidas e reforço financeiro de outras já existentes que visam principalmente os mais desfavorecidos. Pacote destina-se aos mais variados sectores.

Foto
Carlos Carreiras, presidente da Câmara de Cascais Rui Gaudencio

A Câmara Municipal de Cascais (CMC) aprovou nesta terça-feira um conjunto de sete dezenas de novas medidas, e reforçou financeiramente outras já existentes, destinadas à população para o combate à inflação. Medidas que, segundo a autarquia liderada por Carlos Carreiras (PSD), se dirigem aos “sectores mais vulneráveis” e priorizam “as áreas mais sensíveis e fragilizadas”. No total, a autarquia vai fazer um investimento de 44 milhões de euros.

Sugerir correcção
Comentar