Douglas Kirkland (1934-2022), o fotógrafo das estrelas

A sessão “Um final de tarde com Marilyn Monroe” em 1961 marcou a carreira e a obra deste fotógrafo nascido no Canadá, que se tornaria um dos mais reputados repórteres de Hollywood.

Foto
Douglas Kirkland fotografado em Lisboa Daniel Rocha

Douglas Kirkland tinha apenas 27 anos quando, ao final da tarde de 17 de Novembro de 1961, num quarto de um hotel de Los Angeles, ficou a sós com… Marilyn Monroe (1926-1962). A actriz mandara sair toda a gente, e quis ficar a sós com o jovem que tinha sido enviado pela Look Magazine para mais uma sessão fotográfica. Com o atraso que lhe era já habitual, Marilyn entrou no quarto e deitou-se na cama apenas coberta com um lençol de seda (e umas gotas de Chanel n.º 5). “Ela sabia exactamente o que devia fazer: os movimentos, as mãos, o corpo… Era tudo simplesmente perfeito, e era o mais sexy possível.”

Sugerir correcção
Comentar