Medina defende apoios às famílias na AR: “A direita não tem autoridade para falar sobre pensões”

Ministro das Finanças defendeu a necessidade de o país manter as “contas certas e a credibilidade” nos mercados internacionais. Proposta de lei foi aprovada só pelo PS.

Foto
Fernando Medina defende pacote de medidas do Governo no Parlamento LUSA/TIAGO PETINGA

O ministro das Finanças defendeu esta manhã no Parlamento as medidas de apoio às famílias apresentadas há duas semanas como sendo “um plano eficaz, abrangente, oportuno e prudente”. Fernando Medina, que falava no arranque do debate sobre a proposta de lei do Governo que estipula o aumento das pensões, o travão ao aumento das rendas e a redução do IVA da electricidade para alguns contratos e sob condições de limite de consumo, acusou a direita de não ter autoridade para falar sobre pensões.

Sugerir correcção
Ler 7 comentários