Há 4,9 milhões de portugueses que não tiveram covid-19. Estudá-los pode trazer respostas

Numa altura em que as autoridades de saúde começam a olhar para o Inverno, os especialistas dizem que estudar quem escapou à covid-19 mesmo com vários contactos de risco seria “curioso”, ainda que esse fosse um estudo difícil de construir. “Não podemos excluir quem já teve e não se apercebeu”, diz Miguel Prudêncio.

Foto
Estas três mulheres fazem parte do universo de milhões de portugueses que nunca testaram positivo para a covid-19 PÚBLICO

Carolina, Marta e Ana têm algo em comum com outros 4,9 milhões de portugueses: depois de mais de dois anos de pandemia, tiveram a “sorte” de ainda não terem tido covid-19. Não são casos raros e para o perceber basta olhar para os números: segundo a Direcção-Geral da Saúde (DGS), entre Março de 2020 e 22 de Agosto de 2022, foram registados cerca de 5,3 milhões de infecções. Destas, quase 351 mil são casos de suspeitas de reinfecção, 6,6% do total de casos. O que significa que existirão cerca de 4,9 milhões de portugueses que escaparam ao vírus.

Sugerir correcção
Ler 26 comentários