A Luanda que nunca vemos em Nossa Senhora da Loja do Chinês

Primeira longa-metragem do angolano Ery Claver estreia-se esta quinta-feira no Festival de Locarno: um retrato da Angola actual, e das suas feridas íntimas e sociais.

cultura,luanda,festival-locarno,cinema,culturaipsilon,angola,
Fotogaleria
O narrador desta história é um comerciante chinês, minoria cada vez mais expressiva e mais integrada em Angola DR
cultura,luanda,festival-locarno,cinema,culturaipsilon,angola,
Fotogaleria
A religião e a superstição cruzam-se numa ficção cinematográfica sobre a Luanda deste início de século XXI DR

“A nossa realidade é tão exagerada que quando nos propomos a escrever alguma coisa é difícil superá-la”, diz entre sorrisos o realizador angolano Ery Claver. “O nosso desafio, como ficcionistas, é superar a própria realidade.”

Sugerir correcção
Ler 1 comentários