Nova taxa na banca “aumentaria a progressividade dos impostos”

A economista Sofia Vale argumenta que financiar um novo pacote de medidas para combater os efeitos da inflação através de impostos sobre lucros extraordinários é “menos drástico” do que aumentar os impostos às famílias.

Foto
Sofia Vale é economista e professora do ISCTE DR

A aplicação de uma nova taxa extraordinária sobre os lucros da banca “aproximaria os escalões de IRC da prática relativamente aos escalões de IRS”, ao mesmo tempo que seria uma medida “menos penalizadora da actividade económica” do que o aumento de impostos sobre as famílias, defende Sofia Vale, economista e professora do ISCTE.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários