Dos primórdios à pandemia: uma história do turismo em Portugal

Em plena pandemia, três investigadores juntaram-se para coordenar um livro que navega do viajante romântico de Oitocentos ao turista contemporâneo. Os desafios do sector, a urgência de reforma e algumas tendências

Foto
Paulo Pimenta

Depois de décadas de crescimento ininterrupto, apenas com solavancos nos anos 70 (com a crise do petróleo) e no princípio do século XX (com a queda das torres gémeas), o turismo em Portugal e no mundo havia estagnado com a pandemia e vivia a sua mais profunda crise de sempre. Nesse tempo de “mistério absoluto”, três docentes do Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo (ISCET) juntaram-se para coordenar o livro Portugal e o Turismo (Book Cover Editora). Uma reflexão pluridisciplinar – com investigadores de várias instituições de ensino superior, especialistas e gente influente da área – que navega do viajante romântico de Oitocentos ao turista contemporâneo, e tenta antever o mundo pós-pandémico.

Sugerir correcção
Comentar