Ilhas fotovoltaicas flutuantes que seguem o Sol, um projecto português e finalista do Prémio Europeu do Inventor

Desenvolvido por uma equipa 100% portuguesa e com materiais reciclados, o sistema criado por Nuno Correia e Carla Gomes pode aumentar a eficiência energética dos painéis solares em 40%.

Foto
Nuno Correia e Carla Gomes são os finalistas do Prémio Europeu do Inventor Ricardo Castelo

Nuno Correia e Carla Gomes criaram uma nova forma de aumentar a produção de energias renováveis: colocar painéis solares a flutuar. A equipa portuguesa criou ilhas com painéis solares fotovoltaicos que seguem o Sol, maximizando a eficiência dos painéis até 40%, quando comparado com os painéis estáticos. A ideia é agora uma das finalistas ao Prémio Europeu do Inventor 2022.

Sugerir correcção
Ler 3 comentários