As recomendações do FMI para preparar o regresso ao normal

Fundo avisa para os riscos que o fim das moratórias e a subida dos preços das casas podem constituir a prazo para a saúde financeira dos bancos. E recomenda ao Estado que comece a preparar-se para continuar a investir a seguir ao PRR.

Foto
REUTERS/Jonathan Ernst

Fim das moratórias, subida dos preços das casas, descida generalizada do imposto sobre os combustíveis e endividamento do Estado. O Fundo Monetário Internacional está preocupado com o impacto que estes fenómenos podem vir a ter na economia portuguesa e pede aos decisores políticos que se comecem agora a preparar para o futuro.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários