O grande desafio do PSD: recuperar o activo perdido

O facto de o PSD ser casa de sociais-democratas, liberais, cristãos, conservadores e populistas, entre outros, tornou-se num “caldeirão” nem sempre fácil de gerir, mas fonte de grande riqueza, incluindo eleitoral

O PSD é um dos dois maiores partidos da democracia portuguesa desde a sua fundação. Divide com o PS o primeiro lugar, subindo ou descendo no pódio conforme os eleitores vão ditando. Em 48 anos, já teve várias cisões, centenas de dissidências, algumas das quais (muito poucas) deram origem a partidos concorrentes. Até recentemente, nenhum desses processos criou problemas de maior ao PSD, mesmo quando se assumiram como alternativas ao partido original.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários