Crise energética deixa tinturarias em alerta. “São a carruagem do meio do sector têxtil. Se falham, falhamos todos”

José Manuel Ferreira, empresário do sector têxtil, diz que a situação actual da indústria que se concentra maioritariamente no Vale do Ave e Cávado pode “colapsar” devido à subida de preços do gás natural. Depois dos apoios anunciados pelo Governo, o segundo semestre do ano será o teste de fogo.

TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS EMPRESARIO JOSE MANUEL VILAS BOAS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS EMPRESARIO JOSE MANUEL VILAS BOAS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO
TINTURARIA ANTONIO BARROSO MALHAS LDA EM BARCELOS EMPRESARIO JOSE MANUEL VILAS BOAS�
Fotogaleria
O valor da factura do gás pago pela tinturaria António Barroso Malhas passou de 15 euros por megawatt/hora em Setembro para 300 em Fevereiro ADRIANO MIRANDA/PUBLICO

Devido à escalada de preços na energia gerada pela guerra na Ucrânia, o Governo português anunciou, recentemente, que as empresas que sejam utilizadoras intensivas de gás natural vão ter direito a receber subsídios a fundo perdido na ordem dos 160 milhões de euros, com um limite de 400 mil euros por empresa. Entre as mais de três mil empresas destinadas a receber o apoio estão as tinturarias, empresas do subsector dos acabamentos da indústria têxtil. Para José Manuel Ferreira, presidente do grupo têxtil Valérius, o auxílio do Estado justifica-se dada a importância da indústria no país: emprega mais de 140 mil pessoas e, em 2021, o volume de exportações atingiu os 5,4 mil milhões de euros. “O Governo sabe que não há interesse nenhum em fazer mal ao sector”, assinala.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários