“Para a Rússia, a Transnístria é mais um trunfo”

Stefan Wolff, professor de Segurança Internacional na Universidade de Birmingham, acredita que a ameaça à Moldova apenas serve, para já, para “aumentar a pressão sobre a Ucrânia e o Ocidente”.

Foto
"Checkpoint" na fronteira entre a Moldova e a região separatista da Transnístria Reuters/VLADISLAV CULIOMZA

Sugerir correcção
Ler 1 comentários