Sandro Veronesi: “Vivemos num tempo em que quase se criminaliza a dor e a tristeza”

Em O Colibri o autor italiano decidiu sabotar o modelo tradicional da cronologia narrativa e escreveu uma saga familiar original e inteligente. Veronesi parece conhecer as tais razões do coração que se diz que o coração desconhece.

Foto
MVR Matilde Fieschi - 5 abril 2022 - PORTUGAL, Cascais - Entrevista a Sandro Veronesi, escritor, romancista jornalista italiano, sobre o seu novo livro O Colibri, na Pousada Pestana Cidadela Matilde Fieschi

O Colibri é o mais recente romance do italiano Sandro Veronesi (n. 1959) — também autor de um outro livro memorável, Caos Calmo (ASA, 2008), que foi adaptado ao cinema por Nanni Moretti, que desempenha também o papel de protagonista. Mais uma vez, Veronesi decidiu arriscar sabotando a cronologia do modo tradicional de contar uma história: a narrativa vai-se construindo de grandes avanços e recuos entre várias décadas dos séculos XX e XXI.

Sugerir correcção
Ler 5 comentários