Macron vence mas Le Pen não perdeu

De olhos postos nas próximas eleições legislativas, em junho, a reconfiguração da equipa governativa de Macron dará um sinal claro aos franceses sobre a forma como o Presidente reeleito acolheu os sinais dados pelos franceses.

Ontem, Marine Le Pen não alcançou o Eliseu, com 42% dos votos na segunda volta das eleições presidenciais. Emmanuel Macron é, assim, reconduzido para um segundo mandato de cinco anos com 58% dos votos. É a terceira vez na história da V República Francesa que um candidato da extrema direita chega tão perto do Eliseu, mas nunca tão perto. Desta vez, é diferente, e a derrota de Le Pen não equivale a uma vitória em pleno de Macron, por vários motivos.

Sugerir correcção
Ler 10 comentários