Tribunais dos EUA avaliam possível “desqualificação” de congressistas republicanos

Marjorie Taylor Greene e Madison Cawthorn, dois congressistas republicanos que votaram contra a certificação da vitória de Joe Biden, são acusados de participarem numa insurreição. Se os juízes concordarem, podem ser afastados das eleições primárias no seu partido.

Foto
Marjorie Taylor Greene é uma das congressistas republicanas mais populares na base de apoio de Donald Trump EPA/JOHN BAZEMORE / POOL

Um esforço inédito nos Estados Unidos da América para afastar dos boletins de voto, já a partir de Maio, alguns congressistas do Partido Republicano que apoiaram a invasão do Capitólio norte-americano, a 6 de Janeiro de 2021, está a esbarrar na falta de provas concretas de conspiração e em discordâncias sobre uma emenda constitucional da época da Guerra Civil.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários