Polícia Federal brasileira acusa o principal ministro de Bolsonaro de corrupção

Ciro Nogueira, ministro da Casa Civil e responsável por negociar o apoio do chamado “centrão” ao Governo, terá recebido suborno da empresa JBS, a maior empresa industrial de carne do mundo.

Foto
Ciro Nogueira é o ministro da Casa Civil de Bolsonaro, uma espécie de primeiro-ministro ADRIANO MACHADO/Reuters

A Polícia Federal (PF) do Brasil informou o Supremo Tribunal Federal (STF) que o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, cometeu os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro por ter recebido suborno da JBS, a maior empresa industrial de carnes do mundo.

Sugerir correcção
Comentar