Congresso à espera de reconciliação entre Portas e Monteiro para um virar de página no CDS

CDS escolhe sucessor de Francisco Rodrigues dos Santos este fim-de-semana em Guimarães. Nova direcção deve ter “todas as sensibilidades”, defende vice-presidente.

Foto
Democratas-cristãos escolhem este fim-de-semana o novo líder do CDS Fernando Veludo

Com um CDS muito debilitado, o congresso deste fim-de-semana pode transformar-se no momento da pacificação interna do partido caso Manuel Monteiro e Paulo Portas se juntem aos delegados, em Guimarães. Era um cenário improvável até há pouco tempo, mas tem havido diligências para que os dois antigos líderes do partido, que representam grupos rivais internos, se reconciliem.

Sugerir correcção
Comentar