António Vitorino: “Não sei por que razão a UE não accionou a protecção temporária para os refugiados da Síria em 2015”

O director-geral da Organização Internacional para as Migrações, António Vitorino, deixa críticas à União Europeia e pede para que a guerra da Ucrânia não faça esquecer outras crises humanitárias como a dos rohingyas, do Iémen ou da Etiópia

Foto
António Vitorino é director-geral da Organização Internacional para as Migrações Rui Gaudêncio

Sugerir correcção
Ler 3 comentários