Charlotte Adigéry & Bolis Pupul: “’Vai mas é para a tua terra!’ Mas onde é essa terra?!”

Ainda há arte-pop que surpreende. No álbum Topical Dancer a dupla belga interroga o pós-colonialismo, o racismo ou o sexismo, com doses de absurdo, humor e uma imaginativa pop electrónica.

Foto
Camille Vivier

Um dia, em digressão, durante uma viagem, ligaram a rádio e ouviram uma canção que começava assim: “I was walking down the streets.” “E interrogámo-nos porque é que alguém haveria de iniciar uma canção com uma frase-cliché daquelas, tantas, mas tantas, vezes, ouvida e repetida?”, diz-nos Charlotte Adigéry. Resolveram compilar as suas frases-cliché preferidas e, através da técnica de corte-e-colagem, fazer uma canção.

Sugerir correcção
Comentar