O dilema de Xi

O desmentido do Embaixador chinês deixa Xi numa posição delicada: se Putin nada disse ao seu homólogo quando teve a oportunidade de o fazer pessoalmente, há uma quebra de confiança entre os dois principais responsáveis pelo rapprochement entre a Rússia e a China.

Foto
Xi Jinping e Vladimir Putin UESLEI MARCELINO/Reuters

O Embaixador da República Popular da China nos Estados Unidos publicou um artigo no Washington Post para esclarecer a posição chinesa sobre a invasão russa da Ucrânia, em que afirma que as notícias de que Pequim “tinha conhecimento, deu o seu consentimento ou tacitamente apoiou esta guerra são pura desinformação”.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários