O “11 de Setembro” europeu

Em 2001, a resposta norte-americana aos atentados terroristas foi a que a Al-Qaida queria provocar; em 2022, a resposta europeia à invasão da Ucrânia é o contrário da que Putin queria provocar.

No dia 24 de Fevereiro, a Rússia iniciou a sua invasão da Ucrânia, confirmou a natureza imperialista da estratégia internacional do regime autocrático dirigido pelo Presidente Putin e mudou a ordem de segurança europeia.

Sugerir correcção
Ler 7 comentários