Mistério do afundamento do navio Bolama à espera de nova sentença

Navio pesqueiro alvo de teses da conspiração naufragou há mais de três décadas. Filho de uma das 30 vítimas mortais exige compensação em tribunal.

Foto
Navio pesqueiro naufragou na barra de Lisboa em 1991 Marinha Portuguesa

O misterioso afundamento do navio Bolama à saída da barra de Lisboa, já lá vão mais de três décadas, está outra vez em tribunal, à espera de nova sentença. O filho de uma das vítimas mortais do naufrágio exige 115 mil euros àqueles que considera serem responsáveis por ter ficado órfão de pai aos quatro anos de idade.

Sugerir correcção
Ler 3 comentários