Covid-19: especialistas apontam “bons e maus exemplos” da campanha eleitoral

Especialistas em saúde pública dizem que têm sido privilegiados acções ao ar livre com distanciamento e assim se deve continuar. Os jantares e eventos em espaços fechados com muitas pessoas devem ser evitados ou minimizados ao máximo mas, se acontecerem, partidos devem recorrer à testagem à covid-19.

Foto
MIGUEL MANSO

Na mesma semana em que Portugal atingiu diversos novos máximos diários de casos de covid-19, arrancou oficialmente a campanha eleitoral para as eleições legislativas. Os especialistas em saúde pública ouvidos pelo PÚBLICO dizem que, dentro das escolhas de acções e actividades que os partidos têm feito para chegar a um maior número de eleitores, há “bons e maus” exemplos.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários