Procurador-geral dos EUA promete investigar invasão do Capitólio “a todos os níveis”

Para marcar o primeiro aniversário da invasão do Capitólio, Merrick Garland fez um discurso de resposta aos críticos que o acusam de ser brando com o ex-Presidente dos EUA, Donald Trump. O responsável pediu “paciência e compreensão”, e prometeu “defender a democracia”.

Foto
Merrick Garland foi o escolhido por Joe Biden para liderar o Departamento de Justiça dos EUA EPA/Carolyn Kaster / POOL

Acusado por uma parte do Partido Democrata de ser brando na perseguição aos principais responsáveis pela invasão do Capitólio dos Estados Unidos, a 6 de Janeiro de 2021, o procurador-geral norte-americano, Merrick Garland, dirigiu-se ao país para garantir que está empenhado em acusar todos os responsáveis, “a qualquer nível”.

Sugerir correcção
Ler 3 comentários