Como uma falha de comunicação dos bombeiros franceses deixou Portugal à beira de um apagão

Supervisor europeu concluiu que falhou a comunicação entre os bombeiros e a gestora de rede francesa, a RTE, sobre o incêndio que colapsou uma linha de muito alta tensão no Sul de França, desencadeando uma “situação crítica”.

Foto
Episódio de Julho atingiu o segundo nível mais elevado na escala de gravidade dos incidentes da rede de transmissão eléctrica Reuters/Max Rossi

O incidente que em Julho deixou os sistemas eléctricos de Portugal e Espanha separados da restante rede da Europa continental ainda está a ser analisado, mas a recolha de informação junto dos operadores envolvidos — a francesa RTE, a espanhola REE e a portuguesa REN — já permitiu ao painel de peritos que lidera a investigação chegar a algumas conclusões.

Sugerir correcção
Ler 9 comentários