Número do prédio “é a ponta do icebergue da interoperabilidade” do Estado

A partir do segundo semestre de 2022, arranca o projecto-piloto do Número de Identificação do Prédio, que vai agregar toda a informação relativa a uma propriedade num só número.

Foto
Anabela Pedroso, secretária de Estado da Justiça DANIEL ROCHA

O Número de Identificação do Prédio (NIP), ferramenta que permitirá agregar toda a informação relativa a uma propriedade, vai ser lançado a partir do segundo semestre de 2022. É “a ponta do icebergue da interoperabilidade” entre as diversas entidades públicas que gerem o território e a propriedade e vai permitir revolucionar as políticas públicas de ordenamento do território, acredita a secretária de Estado da Justiça, Anabela Pedroso.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários