“A pandemia levou a uma emergência de grupos conservadores online”

Ao fechar-nos em casa, a pandemia pode ter reforçado o aparecimento online de grupos conservadores até agora incipientes no contexto português, segundo a socióloga Sofia Aboim, para quem a tensão sobre a igualdade e a inclusão das minorias vai aumentar em 2022.

Foto

A pandemia trouxe incertezas acrescidas e há mudanças, como a digitalização das nossas vidas e relações, que provavelmente não vão ter recuo, segundo a socióloga e investigadora do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa Sofia Aboim, que nota já, entre os jovens, uma reconfiguração do conceito de trabalho, que passa, por exemplo, pelo gaming ou pelo YouTube.

Sugerir correcção
Ler 25 comentários