Rendas aumentaram 10,5% na pandemia, interior liderou maiores subidas

A pandemia não travou o aumento das rendas em Portugal, que mantêm um crescimento acelerado, sobretudo nas zonas do interior do país. Em Lisboa, já se regista uma quebra superior a 5% desde o início da pandemia.

Foto
Nuno Ferreira Santos

A resiliência tem sido dada como certa pela maioria dos operadores do sector e as estatísticas assim o comprovam: o imobiliário é um dos sectores que mais resiste à crise provocada pela pandemia e mantém, apesar desta, um crescimento acelerado dos preços, tanto na venda como no arrendamento de habitação.

Sugerir correcção
Comentar