O professor, o perfumista e a escanção às voltas com os azeites

Lourenço Lucena faz perfumes e Teresa Barbosa passa os dias a cheirar e a provar vinhos. Será que os dois podem, numa prova técnica de azeite, surpreender o decano José Gouveia?

Foto
José Gouveia, Teresa Barbosa e Lourenço Lucena juntaram-se em Lisboa para uma prova técnica de azeites Rui Gaudêncio

Nos vinhos, como no queijo, no mel ou no azeite, a linguagem de avaliação é precisa e fechada, em particular quando se está num painel de análise sensorial ou num concurso. Os provadores têm treino de acuidade sensorial, mas, nalguns casos, se a nota de um apresenta um desvio considerável face à média do painel (muito acima ou muito abaixo), essa nota é eliminada.

Sugerir correcção
Comentar