É só juntar blues e pizzica

Música no seu estado mais primário e desconcertante: duas pessoas que se juntam e inventam uma forma de existirem lado a lado.

Foto
Duas pessoas que se juntam e inventam uma forma de existirem lado a lado: Justin Adams e Mauro Durante

Aquilo que mais obviamente se sobrepõe nos percursos de Justin Adams e Mauro Durante é um curso avançado em hipnose. Em hipnose através da música, bem entendido. Adams, inglês com uma infância passada no Egipto (graças à carreira diplomática do pai), conta no seu longo currículo com o posto de guitarrista na banda que acompanha Robert Plant — os Sensational Space Shifters —, foi produtor de gente cujo nome abrilhanta qualquer curriculum vitae (Tinariwen, Rachid Taha ou Lo’Jo), e parceiro do gambiano Juldeh Camara num dos mais belos e imprevistos duos dos últimos anos. Durante, violinista e percussionista italiano originário da região de Salento (também conhecida por “salto da bota” de Itália), é o principal impulsionador do sublime Canzoniere Grecanico Salentino, grupo dedicado à revitalização da pizzica

Sugerir correcção
Comentar