Jangadas de plástico estão a permitir a sobrevivência de espécies costeiras em alto-mar

Estudo revela que plásticos flutuantes na Grande Mancha de Lixo do Pacífico criam condições para que organismos costeiros prosperem e criem comunidades em oceano aberto.

Foto
Expedição científica em 2020 para recolher plásticos no Giro Subtropical do Pacífico Norte DR

Uma equipa de cientistas descobriu que espécies costeiras encontraram uma nova maneira de sobreviver em oceano aberto – ao colonizar lixo plástico marinho – a centenas de quilómetros do seu habitat natural.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários