Uma conversa entre Biden e Putin para impor limites e tentar desacelerar retórica de guerra

Os dois líderes vão discutir o problema no centro do “estado lamentável” das relações bilaterais, a Ucrânia. Líder russo vai apresentar as suas “linhas vermelhas”.

Foto
Um aperto de mão, em Junho, em Genebra, que não fez muito pelo estado das relações DENIS BALIBOUSE/EPA

Com os Estados Unidos convencidos de que a Rússia está a preparar para breve uma acção militar de larga escala na Ucrânia, Joe Biden e Vladimir Putin têm esta terça-feira uma discussão por videoconferência com pouca margem para compromisso. Tendo em conta “o estado bastante lamentável” das relações, assim descritas pelo porta-voz do Kremlin na véspera da conversa, não se espera mais do que um acordo sobre a necessidade de desescalar a tensão.

Sugerir correcção
Ler 25 comentários