Eduardo Cabrita e António Costa são Dupond e Dupont

António Costa percebeu que, a partir de agora, Eduardo Cabrita já não lhe servia de escudo protector – e tinha passado de “good dog” a “underdog”. Mas os destinos de António Costa e Eduardo Cabrita estão hoje, como estiveram sempre, intimamente ligados. Faltam 56 dias para as eleições e o PS parece inesperadamente exausto.

Clement Attlee, o homem que liderou o Labour 20 anos (1935-1955), era introvertido, monocórdico, um tímido quase fóbico que reduzia as conversas com os outros – mesmo com os seus ministros – ao mínimo, e atacava os opositores com moderação. O seu braço direito era o sindicalista Ernest Bevin, extrovertido, popular, grande conversador, amigo de toda a gente e implacável com os opositores. Attlee costumava dizer, ao referir-se a Bevin, “If you have a good dog, don’t bark yourself”, que se pode traduzir por “se tens um bom cão, não sejas tu a ladrar”. É preciso conhecer a profunda relação de amizade e lealdade entre os dois para perceber que esta frase que parece pejorativa para Bevin não o é.

Sugerir correcção
Ler 79 comentários