Entretenimento: pelo buraco da fechadura

Longe das câmaras de televisão, Filomena Cautela e Júlio Isidro falam de novos formatos, estreias e intimidades que não cabem no ecrã.

Foto

Júlio Isidro vai estrear-se no teatro. A notícia apanha Filomena Cautela de surpresa e, de súbito, a admiração dela cresce ainda mais pelo apresentador de 76 anos, que continua com uma agenda cheia entre a televisão e a rádio. A apresentadora do Programa Cautelar, da RTP, confessa uma curiosidade: “Como será o camarim de Júlio Isidro?” Ele avisa que terá as suas exigências, claro! Os ensaios vão começar em Janeiro e a peça O Amor do Som irá estrear-se no São Luiz, em Lisboa, em Março, seguindo, depois, em tournée. “O que eu queria fazer numa tournée com o Júlio Isidro...” Seria inevitável conhecer as suas superstições, mas não as tem, o apresentador assume-se sim como fetichista, ou seja, associa determinados actos da sua vida a determinadas consequências e dá um exemplo: pára num sinal vermelho e formula um desejo, começa a contar até dez, se o sinal passar a verde antes de chegar ao dez, o desejo confirma-se. Muitos já se concretizaram, mas o segredo de Júlio Isidro é que faz para que isso aconteça. O teatro é apenas mais um dos seus projectos, um desejo antigo, só lhe fica a faltar o cinema.

Sugerir correcção
Comentar