ECDC diz que dose de reforço deve ser dada a todos os adultos

A terceira dose deve ser dada a toda a população com mais de 18 anos e com prioridade aos que têm mais de 40, disse Andrea Ammon, directora da agência europeia, mudando a recomendação vigente até agora. A ser aplicada pelas autoridades de saúde, medida pode chegar a 3,7 milhões de pessoas em Portugal.

Foto
Em Portugal já foram dadas 800 mil doses de reforço da vacina contra a covid-19 Miguel Manso

A directora do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC, na sigla em inglês)​, Andrea Ammon, disse nesta quarta-feira que deve ser dada uma dose de reforço da vacina contra a covid-19 a todos os adultos, com prioridade para os maiores de 40 anos. O reforço deve ser administrado mais ou menos seis meses após a segunda dose da vacina, “embora possa haver alguma flexibilidade para ir até aos cinco meses”, disse Marco Cavaleri, responsável pela estratégia de vacinas na Agência Europeia de Medicamentos, que participou na mesma conferência de imprensa.