Task force dos comportamentos: “Houve um optimismo irrealista” e agora é preciso “voltar a motivar” as pessoas para a prevenção

Margarida Gaspar de Matos, coordenadora da task force dos comportamentos, vai apresentar na reunião do Infarmed uma proposta de campanha de sensibilização virada para a responsabilidade pessoal dos cidadãos.

Foto
Margarida Gaspar de Matos é a coordenadora da task force das ciências comportamentais

A outra “task force” criada pelo Governo para enfrentar a pandemia, esta virada para as ciências comportamentais, tem tido uma actuação muito mais discreta do que a dedicada à vacinação, mas bem pode ter sido ela quem fez tocar as campainhas no gabinete do primeiro-ministro devido à evolução da pandemia. No relatório semanal enviado na quinta-feira passada, lançou um “red alert superurgente”, nas palavras da coordenadora, Margarida Gaspar de Matos, e nesse mesmo dia foi chamada para uma reunião em São Bento.

Sugerir correcção
Ler 10 comentários