Abusos sexuais. “A Igreja portuguesa quer tapar o problema com uma venda que já está completamente rasgada”

O Parlamento catalão vai votar uma proposta de criação de uma comissão para investigar os abusos sexuais de menores cometidos por membros do clero espanhol nas últimas décadas. Na Bélgica, a investigação também foi impulsionada pelo Parlamento. Por cá, os bispos portugueses continuam renitentes, apesar de o cerco começar a apertar-se. O tema vai estar em discussão, entre 8 e 12 de Novembro.

Foto
O tema dos abusos sexuais na Igreja estará na agenda da próxima Assembleia Plenária da CEP Paulo Pimenta

O Parlamento da Catalunha deverá votar dentro de pouco tempo uma proposta de criação de uma comissão independente capaz de investigar os abusos sexuais de menores cometidos nas últimas décadas por clérigos espanhóis. “Não pode haver zonas opacas, obscuras, num direito tão fundamental como é a protecção do direito à infância”, declarou ao PÚBLICO Jéssica Albiach, presidente do grupo parlamentar En Comú Podem.

Sugerir correcção
Ler 18 comentários