“São as eólicas” que permitem “dar boas notícias” no preço da electricidade

O presidente da APREN diz que sem as renováveis o Governo não teria podido “dar boas notícias” aos portugueses sobre a contenção de preços da electricidade em 2022. E diz-se preocupado com os atrasos no licenciamento de novos projectos à medida que cresce a “ambição climática”.

Foto
A Apren lamenta os atrasos no licenciamento de novos projectos na área das renováveis Manuel Roberto

Durante anos a fio foram um dos vilões das tarifas de electricidade, mas, em plena turbulência dos mercados energéticos, as tarifas administrativas das renováveis assumiram-se como uma espécie de almofada que está a ser decisiva para manter os consumidores portugueses ao abrigo da escalada dos preços.

Sugerir correcção
Ler 16 comentários